PTBR/Prabhupada 0403 - O Significado para Vibhavari Sesa - parte 2

From Vanipedia
Jump to: navigation, search

O Significado para Vibhavari Sesa - parte 2
- Prabhupāda 0403


Purport to Vibhavari Sesa

Como Rama, quando Ele apareceu como o Senhor Ramacandra, Ele matou Ravana, rāvāṇāntakara. Mākhana-taskara, e em Vṛndāvana Ele é conhecido como o ladrão de manteiga. Em Seus passatempos de infância, Ele costumava roubar manteiga das panelas das gopis. Aquele foi o Seu passatempo de prazer, portanto, Ele é chamado de mākhana-taskara, mākhanacora. Gopī-jana-vastra-hari, e Ele também roubou as roupas das gopis, enquanto elas estavam tomando banho. Isto é muito confidencial. Na verdade, as gopis queriam Krishna. Elas oraram para Kātyāyani-devī, deusa Kātyāyani, porque Ele era atraente para todas as meninas de sua idade, de modo que elas queriam Krishna como marido. Então, superficialmente, Krishna era da mesma idade, e como Ele poderia ser marido para todas as gopis? Mas Ele aceitou. Porque as gopis queriam se tornar esposas de Krishna, portanto, Krishna aceitou a proposta delas. A fim de mostrar-lhes a misericórdia, Ele roubou as vestes, porque o marido pode tirar a cobertura de peças corporais da esposa. Ninguém mais pode tocá-las. Então esse é o propósito, mas as pessoas não entendem. Portanto Krishna-lila tem de ser ouvida a partir de uma alma realizada, ou esta parte deve ser evitada. Caso contrário, nós podemos entender errado que Krishna tirou as vestes, e Ele estava muito caído, como um caçador de mulher. Isso não. Ele é o Senhor Supremo. Ele cumpre o desejo de cada devoto. Então, Krishna não teve nada que ver com as gopis nuas, mas porque elas queriam se tornar esposas, então Ele realizou o desejo delas. Um símbolo, "Sim, eu sou o seu marido, Eu tirei as suas vestes. Agora tomem suas roupas e vão para casa. "Por isso, Ele é conhecido como gopī-jana-vastra-hari. Brajera rākhāla, gopa-vṛnda-pāla, citta-hārī vaṁśī-dhārī. Brajera-rākhāla, o vaqueirinho em Vrindavana, e gopa-vṛnda-pāla, Seu objetivo era como satisfazer os vaqueiros, incluindo Seu pai, tio, eles estavam todos mantendo as vacas, para agradá-los. Então, Ele é gopa-vṛnda-pāla. Citta-hārī vaṁśī-dhārī, e quando Ele estava tocando a flauta, ele estava tomando o coração de todos, citta-hārī. Ele estava roubando o coração de todos. Yogīndra-vandana, apesar de Krishna brincar como um pequeno menino vaqueiro em Vṛndāvana, assim como o menino da vila, fazendo piadas com Seus amigos, mas ainda assim, Ele é yogīndra-vandana. Yogīndra significa maior iogue, místico. Dhyānāvasthita-tad-gatena manasā paśyanti yaṁ yoginaḥ (SB 12.13.1). O yoginaḥ, a meditação, a quem eles estão tentando descobrir? Este Krishna. Eles estão tentando descobrir Krishna. Assim a menos que eles cheguem ao ponto de concentrar a mente deles em Krishna, seu princípio iogue, ou poder místico, é confuso. Yoginām api sarveṣāṁ mad-gata-antara (BG 6.47). Yogi, iogue de primeira classe, deve manter sempre Krishna dentro de seu coração. Essa é a perfeição do yoga. Por isso, é chamado yogīndra-vandana, śrī-nanda-nandana, braja-jana-bhaya-hārī. Embora Ele seja adorado pelos grandes místicos, ainda assim Ele vive em Vṛndāvana como Filho de Nanda Maharaja, e os residentes de Vrndavana, sentem-se sãos e salvos sob a proteção de Krishna. Navīna nīrada, rūpa manohara, mohana-vaṁśī-vihārī. Navina nīrada, nīrada significa nuvem, Sua pele é como uma nuvem nova. Nuvem nova, escura, rūpa. Ainda assim Ele é muito bonito. Geralmente preto não é considerado muito bonito dentro deste mundo material, mas porque Seu corpo é transcendental, mesmo Ele sendo negro, Ele é o universalmente atraente. Rūpa Manohara. Mohana-vaṁśī-vihārī, simplesmente quando Ele está com Sua flauta, Ele, mesmo que Ele seja negro, ele se torna muito atraente para todos. Yaśodā-nandana, kaṁsa-nisūdana, Ele é muito celebrado como o Filho de Mãe Yasoda, Ele é o assassino de Kaṁsa, e nikuñja-rāsa-vilāsī, e Ele costumava dançar, dança da rasa, no nikuñja, vaṁśī-vaṭa, nikuñja. Kadamba-kānana, rāsa-parāyaṇa, há muitas árvores kadamba. Kadamba é um tipo de flor que é especialmente cultivada em Vṛndāvana, muito perfumada e bonita, flor sólida, redonda. Então Kadamba-kānana, Ele costumava desfrutar de Sua dança da rasa debaixo da árvore desta kadamba. Ānanda-vardhana prema-niketana, phula-śara-yojaka kāma. Então Ele estava excitando os desejos luxuriosos das gopis, e aumentando a bem-aventurança transcendental delas. Ānanda-vardhana prema-niketana, porque Ele é o reservatório de todo prazer. As gopis costumavam vir para desfrutar, porque Ele é o reservatório de todo prazer. Assim como quando nós vamos tirar água de um lago onde há água. Da mesma forma, se queremos uma vida realmente feliz, então vamos desenhá-la a partir do reservatório de todo o prazer, Krishna. Ānanda-vardhana, este prazer vai aumentar. O prazer material irá diminuir. Você não pode desfrutar de um longo tempo, isto vai diminuir, mas o prazer espiritual, se você quiser desenhá-lo a partir do reservatório de todo o prazer, Krishna, então ele vai aumentar. Sua potência de prazer vai aumentar, e você vai ter mais e mais prazer. A medida que você aumentar a sua potência de prazer, ou desejo, a oferta também é incessante. Não há limite. Phula-śara-yojaka kāma, Ele é o cupido transcendental. Cupido, com seus arcos e flechas, ele aumenta os desejos luxuriosos do mundo material. Da mesma forma, no mundo espiritual, Ele é o cupido supremo. Ele estava aumentando os desejos luxuriosos das gopis. Elas costumavam ir lá, e ambos, não havia diminuição. Elas estavam aumentando o desejo delas, e Krsna estava fornecendo-lhes, sem qualquer conceito de vida material. Elas foram simplesmente dançar, isso é tudo. Gopāṅganā-gaṇa, citta-vinodana, samasta-guṇa-gaṇa-dhāma. Ele é especialmente atraente para o gopāṅganā. Gopāṅganā significa os dançarinos de vraja-dhama. Gopāṅgaṇa-gaṇa, citta-vinodana, elas foram simplesmente absorvidas no pensamento de Krishna. Elas ficaram tão atraídas por, ligadas a Krishna, que elas não podiam desistir, Sua, a existência de Sua forma dentro do coração por um momento, citta-vinodana, Ele capturou o coração das Gopi, citta-vinodana. Samasta-guṇa-gaṇa-dhāma, Ele é o reservatório de todas as qualidades transcendentais. Yamunā-jīvana, keli-parāyaṇa, mānasa-candra-cakora. Mānasa-candra-cakora, existe uma ave, que é conhecida como cakora. Ele olha em direção ao luar. Da mesma forma, Ele era a lua entre as gopis, e elas estavam simplesmente olhando para Ele. E Ele é a vida do rio Yamunā, porque Ele gostava de se divertir saltando sobre o rio Yamunā. Nāma-sudhā-rasa, gāo kṛṣṇa-yaśa, rākho vacana. Assim, Bhaktivinoda Thakura está solicitando a todos, "Agora cante todas esses diferentes nomes do Senhor, e me salve." Rākho vacana mano: "Minha querida mente, por favor, guarde a minha palavra. Não se recuse, continue cantando todos esses santos nomes de Krishna."