PTBR/Prabhupada 1003 - A pessoa tem que se aproximar de Deus, Deus é espiritual, mas a pessoa está pedindo por ganhos materiais

From Vanipedia
Jump to: navigation, search
Go-previous.png Página anterior - Video 1002
Próxima Página - Video 1004 Go-next.png

Quelqu'un a approché Dieu, Dieu est spirituel, mais cette personne demande du profit matériel
- Prabhupāda 1003


750713 - Conversation B - Philadelphia

Sandy Nixon: Existem três caminhos diferentes que a pessoa pode aprender a amar a Deus?

Prabhupāda: Não. Não há diferentes.

Sandy Nixon: Quero dizer, existem outros caminhos espirituais... Todos os caminhos espirituais levam ao mesmo fim? Prabhupāda: Caminhos espirituais são divididos em quatro. Não espiritual. Espiritual verdadeiro, espiritual misturado. Assim como isso, "Deus dê nos o pão de cada dia". Isto é espiritual misturado. A pessoa se aproximou de Deus, Deus é espiritual, mas a pessoa está pedindo por ganhos materiais. Então isto é misturado, matéria e espírito. Então existem quatro classes. Geralmente conhecidos como karmī, atores fruitivos, eles trabalham para conseguir algum lucro material. Eles são chamados karmī. Assim como todos os homens, você vai ver, eles estão trabalhando muito duro dia e noite, dirigindo seus carros, (faz som de carros) para cá e para lá. A finalidade é como conseguir algum dinheiro. Isto é chamado karmī. E então jñānī. Jñānī significa que ele sabe que "Eu estou trabalhando muito duro. Por que? Os pássaros, bestas, os elefantes, grandes, grandes - oito milhões de tipos diferentes - eles não estão. Eles não tem negócio. Eles não tem profissão. Como eles estão comendo? Então por que desnecessariamente eu trabalho tanto? Me deixe conhecer o que é o problema da vida". Então eles entendem que o problema da vida é nascimento, morte, velhice e doença. E eles querem resolver isso, como se tornar imortal. Então eles chegam à conclusão que "Se eu me fundir com a existência de Deus, então eu me torno imortal ou imune ao nascimento, morte, velhice e doença". Isto é chamado jñānī. E alguns deles são yogis. Eles tentam adquirir algum poder espiritual para fazer um show sobre como ele pode fazer milagre. Um yogi pode se tornar muito pequeno. Se você colocá-lo em um quarto, ele vai conseguir sair. Você o tranca. Ele vai conseguir sair. Se há um pequeno espaço, ele vai sair. Isto é chamado anima. Ele pode voar no céu, flutuar no céu. Isto é chamado laghima. Desta forma, se alguém pode mostrar esta mágica, então imediatamente ele é aceito como um homem muito maravilhoso. Então yogis, eles... Os yogis modernos, eles simplesmente mostram alguma ginástica, mas eles não tem poder. Então eu não estou falando destes yogis de terceira classe. Yogi verdadeiro significa que ele conseguiu algum poder. Que é poder material. Então yogis também querem este poder. E jñānīs também querem salvação do trabalho desnecessário como burros - o karmī. E karmīs querem lucro material. Então eles querem, todos. Mas os bhaktas, devotos, eles não querem qualquer coisa. Eles querem servir a Deus por amor. Assim como uma mãe ama sua criança. Não há questão de lucro. Por afeição, ela ama. Então quando você chega a este estágio, de amar a Deus, esta é a perfeição. Então esses diferentes processos, karmī, jñānī, yogi e bhakta, dentre entre quatro processos, se você quer conhecer Deus, então você tem que aceitar este bhakti. Este é afirmado no Bhagavad-gītā, bhaktyā mām abhijānāti (BG 18.55). "Simplesmente através do processo de bhakti, a pessoa pode Me entender, Deus". Ele nunca diz por outro processo, não. Apenas através de bhakti. Então se você está interessado em conhecer Deus e amá-Lo, então você tem que aceitar este processo devocional. Não há outro processo que irá ajudá-lo.